Baterista não curtiu ser filmado em documentário do Foo Fighters

11 de janeiro de 2015, por Rafael Ferraz
Segundo publicação do Blabbermouth.net, o The Pulse Of Radio revelou que o baterista Taylor Hawkins não se sentiu confortável em Sonic Highways, documentário do álbum de mesmo nome lançado pelo Foo Fighters. Em entrevista à revista "Q", o batera teria dito que nunca teve a ambição de ser famoso por aparecer na televisão e prefere não estar nas câmeras.
 
"Ser famoso por estar na TV nunca foi uma de minhas ambições. Mas eu acho que Dave está certo. Não é puramente uma ambição de negócios, porque eu sei que ele realmente ama fazer isso...Ele ama o processo. Da mesma forma que eu, em um nível bem menor, gosto do processo de gravar uma música. Isso não é mais suficiente para Dave. Não, eu não gosto de ser filmado, mas isso agora é parte da banda."

"Eu estou provavelmente menos do que todos os outros no filme, porque eu não queria ouvir todos os espertinhos repetindo o que eu disse o dia inteiro", afirmou. "Eu tenho uma boca grande e falo muita besteira. Eu nunca calo a boca. Eu não posso usar o microfone o dia inteiro, todos iriam me odiar no final disso", justificou o baterista.

O primeiro documentário do grupo, "Back And Forth" exibido em 2011, contou a história da banda. Já o "Sound City", de 2013, mostrou o extinto estúdio onde alguns dos integrantes da banda apareceram. Agora, em formato de mini-série do canal HBO, "Sonic Highway" retrata o processo de construção do último álbum homônimo do grupo, passando por 8 estúdios em diferentes estados norte-americanos.

Veja também: Notícias recentes | Pesquisar notícias | Todas as notícias

Comentários